domingo, 29 de abril de 2012

[Gordinha's Facts] Nãããããããããão

OMG!!! Hoje estou no trabalho e acabei saindo da dieta! Tenho de ser sincera comigo mesma e lógico, no blog, e sim, eu saí da dieta certinha. Devia fazer meses (muitos meses) que eu não comia um biscoito doce e comi hoje, dois biscoitos. Além disso, hoje foi dia de trazer minha marmita, já que é domingo e não tem nenhum restaurante aberto aqui perto do trabalho e, por consequência disso, não comi minha tradicional saladinha nem meu tradicional peixinho... 
Mas mesmo saindo da minha dieta, comendo dois biscoitos e carboidratos, não exagerei nas porções. Hoje trouxe de comida o combo: arroz + feijão + bife de fígado + inhame. Nada exagerado, afinal, a combinação é uma bomba, e tive que comer pouquinho. Mas foi uma quantidade que me satisfez. Amanhã eu volto pra comer a saladinha...
Não, não tirei foto da minha comida de hoje. Estava misturada no pote e eu não curto comida misturada. Comi pq foi papai quem fez e estava maravilhosa... Mas se tivesse vindo de outra pessoa, jamais comeria.

Mas e a dieta da proteína??? Vai de vento em popa, mas com umas lufadas fortes de vento às vezes... eu sempre furo a dieta, acho que não é novidade, mas sabe qual é o meu furo??? Aquele NESCAU de todo dia... Mas eu supero. Ando bastante e tal... Exercícios e mais exercícios... Mas essas duas semanas dei uma furada nos treinos, já que andei em semana de provas na faculdade e são tempos tensos.

Tenho altas novidades pra contar... Sobre a dieta com as amigas, sobre mais exercícios, sobre receitas... E por falar em receitas, devo uns sucos né??? Já experimentei um monte... Mas é pura falta se tempo de não postar aqui... Mas hoje sai!!! Ao menos duas receitas!

Beijos!!!


Abaixo, olha a foto da derrota!!! Hahahahahahha


segunda-feira, 9 de abril de 2012

[Gordinha's Facts] A Dieta!!!

Falei da dieta da proteína e de seus resultados (repare que eu não disse a palavra benefícios) e aquele sorrisão aparece. O fato é que a dieta da proteína é uma dieta incorreta de se fazer, mas de nada perigosa (na minha humilde opinião) se feita com atenção e com as variações necessárias. Diversidade de folhas, frutas e legumes que podem ser aplicados na dieta e que muitas pessoas esquecem, acabam comendo – e se aproveitando – somente as carnes, os bacons e os ovos. Há de se ter consciência para encarar essa dieta. 

Confesso, sem vergonha alguma, que a dieta dos chás que eu propus, e que posso até postar aqui, é mais politicamente correta do que a da proteína. A proposta dela também é muito boa, mas a dieta da proteína é mais agressiva. Mas independente da dieta, tem de se ter moderação. Saber equilibrar os alimentos no prato, saber comer com moderação, são algumas chaves para o emagrecimento saudável.

Algumas pessoas relatam que conseguem perder aproximadamente 8kg por mês, e eu tenho um amigo que estou acompanhando e que perdeu, em 3 semanas, 9kg. A perda varia de acordo com o corpo de cada um, com o metabolismo e com a dedicação ao objetivo. Não adianta fazer a dieta e não se mexer. TEM DE DAR UMA MEXIDA NO CORPO!!! Malhação, caminhada, corridinha, natação... pelo menos 3x na semana. O corpo tem de entender que você está querendo mudar de rotina e ele tem de se adaptar a ela.

Nessa dieta, você passa por um período de adaptação. Os primeiros dias podem ser um pouco difíceis. Com a falta dos carboidratos mais famosos (arroz e feijão) você pode ter aquela sensação de insaciedade e os desejos por doces com certeza vão crescer. É a hora de você inventar outra coisa pra comer... e sabe o que ajuda muito? Você não ter doces na sua frente para te tentarem. Em casa, não é necessário fazer com que todos sigam a sua dieta, mas é bacana informar que você está fazendo uma dieta para que todos te ajudem – não fazendo aquele brigadeirinho de colher ou aquele bolinho para tomar com café.

Quer umas dicas?

1. Com a lista de alimentos que eu vou postar lá embaixo (que eu peguei de um artigo e achei a mais bacana), o ideal é que você monte sua dieta de acordo com as coisas que mais gosta e que mais estão ao seu alcance, no seu dia a dia. Tente criar um cardápio variado por semana! Você vai ver na lista que tem tantos alimentos possíveis na dieta, que você vai ficar perdida na hora de montar seu cardápio.
2. Não se importe se houver repetições no seu cardápio. Você pode comer o que quiser, lembra? Desde que seja dentro dos alimentos permitidos. Saiba que, montar o cardápio e procurar receitas baseadas na dieta da proteína, te dá ânimo e ajuda na hora de fazer a listinha do supermercado. Você vai ver que vai ser melhor e que vai conseguir ter no carrinho, somente o que está na lista!
3. Não deixe aquele monstro roxo da fome chegar pra você pensar em almoçar. Aquela regra bacana de comer sempre de 3 em 3 horas é muito bem vinda. Uma fatia de queijo, uma fruta... tá valendo.
4. Lembra que eu disse que o leque de alimentos era bem grande? E é! A boa é aproveitar a grande variedade de alimentos e fazer disso, uma lista de infinitas possibilidades. Aproveite as folhas, os legumes, os molhos... quanto mais colorido e diversificado o seu prato, melhor.

OMG, Debora... não tem como se isentar de comer carboidratos! Como eu faço??? Ilusão nossa imaginar que existem meios de não ingerir nenhuma mísera grama de carboidrato. Essa lista de alimentos que eu vou colocar aí embaixo tem o mínimo do mínimo de carboidrato - é uma dieta de restrição parcial de carboidratos. Relaxe e persevere.

ALIMENTOS PROIBIDOS (meninas, é proibido! Proibido não rola!!! Não se sabote!!!)
1.   Açúcar e doces de uma forma geral
2.   Bebidas alcoólicas e refrigerantes
3.   Aipim, Batata, Cará, Inhame, Nabo (raízes)
4.   Arroz, Milho, Ervilha, Feijão, Grão de Bico, Lentilha (Grãos)
5.   Abacate, Banana, Caqui, Fruta do Conde, Uva
6.   Todas as frutas secas (Ameixa preta, Amêndoas, Amendoim, Avelãs, Banana passa, Castanhas, Damasco, Nozes, Tâmara, Uva passa, etc.)
7.   Tudo o que levar farinha (à dorê, à milanesa, biscoitos, bolos, empadões, empanado, massas, pão, pastelões, requeijão, salgadinhos, tortas, molho branco, etc.).

ALIMENTOS PERMITIDOS (comer normalmente, sem excesso)
1.   Todos os tipos de carne preparadas de qualquer maneira, desde que não leve farinha (boi, galinha, peixe, porco, crustáceos, etc.)
2.   Todas as verduras e legumes (com exceção dos citados acima), preparados e temperados a gosto – azeite, vinagre, sal, pimenta do reino, maionese, etc.
3.   Ovos preparados de qualquer maneira (fritos, omelete, mexido, cozido, quente, etc)
4.   Todos os tipos de queijos (prato, minas, provolone, ricota, cotáge, mussarela, parmesão, gorgonzola, etc)
5.   Todos os tipos de frios, enlatados e embutidos (atum, sardinha, presunto, presunto, salame, mortadela, salsicha, salsichão, apresuntados, peito de peru, etc.).
6.   Todas as frutas, com exceção das citadas acima. O ideal são duas unidades ou porção equivalente (no máximo 5). Não beber suco, e sim comê-las.
7.   Líquidos que podem ser ingeridos durante a dieta: Limonada, Chá, Mate, Café, Água (natural ou com gás), Leite (moderadamente), refrigerantes diet nos fins de semana (com moderação)
8.   Usar sempre o adoçante de sua preferência.
Para a noooossa alegria, pode chiclete ou bala diet! Claro que em quantidades moderadas...


VEGETAIS
Abóbora, abobrinha, acelga, agrião, aipo, alcachofra, alface, aspargo, azeitona, berinjela, beterraba, brócolis, cebola, cenoura, champignon, chicória, chuchu, couve de bruxelas, couve-flor, espinafre, jiló, maxixe, nabo em folhas, palmito, pepino, pimentão, quiabo, rabanete, repolho, tomate, vagem.

CARNES
Boi, coelho, coração, cordeiro, crustáceos (camarão, lagosta, ostra, mexilhão, siri, caranguejo), dobradinha, fígado, galinha, língua, lula, pato, peixes, peru, polvo, porco, presunto magro, rins, salsichas, vitela.

FRUTAS
Abacaxi, amora, cereja, figo, goiaba, grape-fruit, kiwi, laranja, laranja lima, lima da pérsia, limão, maça, mamão, manga, maracujá, melancia, melão, morango, nectarina, nêspera, pera, pêssego, tangerina.

LATICÍNIOS
Coalhada caseira, creme de leite, iogurte natural, leite, manteiga, margarina, queijos. Dê preferência aos desnatados.

CONDIMENTOS
Ajinomoto, azeite (extra virgem – de preferência), canela, cebolinha, cheiro verde, coentro, catchup, maionese, mostarda, óleo (canola, girassol, milho, arroz), orégano, pimentas, sal, salsa, suco de limão, tomate, vinagre.

VÁRIOS


Caldo de carne ou galinha, gelatina diet, ovo (não mais do que dois ao dia).

domingo, 1 de abril de 2012

[Gordinha's Facts] Persevere

Amiguinhos!!!
Viram os últimos posts??? Estou decidida a fazer a dieta da proteína... e meu jantar? Saladas e mais saladas. Até quando janto na rua, estou investindo em salada. Vale a pena.
E pra amiguinha Simone que não gosta de salada... saiba que eu não gostava muito também, até perceber que não teria como fugir. Até hoje não como todas as folhas que as pessoas comem, a única que eu como é alface. Minhas saladas só tem gosto porque eu incremento, eu invento algo para dar sabor, não curto ficar mastigando folhas sem sentir gosto algum. Tudo é uma questão de hábito. Coloquei na cabeça que tinha que melhorar em alguns pontos e comer salada foi o pontapé inicial. Comecei comendo pouco e hoje como aos montes. Um grande incentivador foi um amigo, que sempre comia e implicava bastante comigo por eu passar direto do buffet de saladas e cair de cara no arroz e feijão. Acho que você consegue, mas tem de começar, tem de tentar. Dizer que não gosta e nem dar bola é muito fácil. Quando você faz isso, está se sabotando sem querer, minando suas reais vontades. Comece com algumas folhas, temperadas com sal e azeite; acrescente legumes cozidos, alguns tomates, pepino... o que você gostar. É possível!

Estou aqui para dizer (na verdade, repetir) que vou mesmo fazer a dieta da proteína; Estou super decidida. Sei que não vai ser fácil, mas... e alguma coisa é fácil nessa vida? Perseverança é a palavra de ordem. E para dar aquela estimulada, vou postar partes de uma matéria que li ontem e fiquei muito impressionada (e estimulada). Uma jovem obesa resolveu emagrecer, resolveu deixar as desculpas que a faziam perder o ânimo, resolveu correr atrás da boa forma. Pesquisou o que deveria fazer e comer e foi à luta. Virou ícone de perseverança, capas de "n" revistas, modelo e Miss Biquiní. Nessa empreitada, a jovem Jennifer perdeu 30kg e está gatíssima. Fotos da moça aí embaixo.


Ela deixa algumas dicas para quem quer MESMO perder peso mas se sabota com seus próprios pensamentos.

1 - Você deve esquecer as desculpas que fazem você desanimar, como falta de tempo e dinheiro. Nada disso é impeditivo para entrar em forma.
2 - Não espere ver os resultados de um dia para o outro, pois entrar em forma de maneira saudável requer tempo e dedicação, por isso, nada de desesperos.
3 - Ser saudável é mais importante do que ser magra, por isso, os treinos devem ser voltados para que você se fortaleça e não que fique exausta e fraca.
4 - Além do físico, trabalhe seus lados mental e emocional.

Parece simples, não é??? E é! Basta querer. Se você se encarou no espelho e depois de muitos debates consigo mesma chegou a conclusão que sim, você tem de encarar a perda de peso com fervor, você tem a chave para se tornar uma Jennifer. Sim, você!!!
Eu, você... seremos Jennifer!


*já disse que a Jen (viramos íntimas) tem dois filhos? Detalhe né??

Sinceridades

Sim, primeiro de abril e não é mentira: estou postando.
Confesso que, devido a minha batalha pessoal para perder peso, estou dando muito mais bola ao meu outro filhinho mais novo, esse meu blog onde eu narro minhas lutas contra a balança. Tento postar sempre, mas tenho tanta coisa pra fazer (trabalho, estudos, social, família, cursos) que mesmo com toda a tecnologia ao meu alcance (vulgo iPad) eu vacilo nas postagens. Mas estou me organizando e isso um dia entra nos eixos.
A luta contra a balança está fantástica. Perco algumas, ganho outras... mas espero ganhar com o total de pontos. Os investimentos estão sendo feitos, os cronogramas estão sendo acertados e vai dar tudo certo.

Mas estou aqui pra colocar e debater (comigo mesma, pq eu sou múltipla) uma questão que anda me afligindo ultimamente: como saber qual o nível de intimidade com uma pessoa? Mas tem de ser AQUELA intimidade.
Vamos à questão: tenho umas verdades que devem ser ditas para uma pessoa entaladas na minha garganta. Sempre quis falar, mandar a real, abrir os olhos dela, mas sempre que penso em fazer isso, acho que não tenho intimidade o suficiente pra chegar e dizer tudo o que penso. O que coloca uma outra questão: as pessoas, em geral, não estão prontas para ouvir sinceridades das outras; as pessoas curtem esse lance de "dizer o que o outro quer que seja dito", enquanto eu e uma minoria que dá a cara a tapa curtem o lance contrário, de dizer o que está realmente se passando ou o que estamos achando de verdade de uma determinada situação.
Então, chego num ponto interessante da questão: não sei se tenho intimidade suficiente com a pessoa e ao mesmo tempo não sei se ela está pronta pra ouvir o que eu tenho a dizer.

Mas quem é essa pessoa? O que eu tenho de dizer a ela que não posso simplesmente dizer, virar as costas e ir embora? É uma pessoa bacana. Emotiva, com o pé no chão... mas quando o assunto é amor, é um caos. Ela fica burra, chata, insistente, melancólica. Na presença do amor, ela fica quase intragável. Fica irracional, vira saco de pancadas.
Mas que amor é esse??? E eu perguntaria que homem é esse que consegue mudar uma pessoa dessa maneira? Que consegue baixar todas as suas defesas, transformar uma pessoa decidida e firme num capacho de R$1,99? É um homem que não merece o amor que ela tem pra dar, um cara que quer curtir, mas ela insiste em amar. E é isso que eu quero contar a ela: ELE NÃO QUER NADA COM VOCÊ.

Amores platônicos? Não acho. O que essa minha amiguinha tem é um amor que jamais será correspondido em altura, não por esse cara. Ele é novo, deixou claro pra ela que só quer curtir, que não quer nada sério com ela. Ok, se fosse só isso. Mas aí eles resolveram ser FF. Ah, desculpe, nem todos sabem o que é isso: FF = Fucking Friends. Feio né??? Mas é isso aí. Ela, mesmo o amando, aceitou ter uma amizade colorida. Mas nessa amizade, ele levava bem a sério a questão de ser apenas uma amizade, enquanto ela esperava, paulatinamente, ele retornar com arrependimento por ter dormido com outras mulheres e cair em seus braços para sempre. Não, não, não... ele não é desses. Quando ele estava afim, sem outra pessoa, quando não conseguia pegar ninguém na night, ele recorria à ela, que se desvalorizava a cada dia, ao aceitar a situação de forma tranquila, sem aproveitar da mesma forma.

E o que está ruim... ainda pode piorar. Ele percebeu que ela estava de muito amorzinho pro lado dele e a excluiu de sua lista de FF. E mais: disse para todos que não queria mais nada com ela. Acho que chegou a dizer até pra ela, que parece que não sacou. E a amizade, que antes fluía (não a colorida), agora não mais. Vivem às turras. Muitos dizem que dali ainda sai um relacionamento sério e duradouro, e eu digo que não sai nada. E ele também diz que não sai. E ela... bem, precisa entender isso.

Queria muito conversar e abrir o jogo todo. Certamente, não direi nada do que ela não saiba, mas a visão de quem está de fora sempre é melhor e completamente diferente da visão de quem passa pela situação. Nessas horas é que eu acho que ela não tem amigas de verdade, afinal, vi que as amigas apóiam essa idéia de ela namorar com ele e algumas ousam citar casamento!!! De onde saem essas criaturas? Em qual realidade vivem? Desconheço.
Eu converso muito com ela, mas ainda acho que não sou amiga suficiente pra dar esse choque de realidade, mas, se eu comparar com as amigas que curtem esse "relacionamento" que nutre num mundo de fantasia, me acho amiga pra caralho. Aguardo um momento ideal pra tocar no assunto. Aguardo ansiosamente para nos encontrarmos em alguma situação onde haja álcool, onde eu me aproveitaria totalmente da situação para falar absolutamente tudo o que tenho pra dizer.

Mas e aí? O que você faria? Quais palavras usaria?